|

5 maneiras de impulsionar a área de saúde e segurança do trabalho na organização

5 maneiras de impulsionar a área de saúde e segurança do trabalho na organização

Falar sobre segurança, saúde e risco no ambiente de trabalho é de extrema importância tanto no Brasil quanto no mundo. Isso porque, em maior ou menor grau, os colaboradores estão sujeitos a riscos físicos, ergonômicos, biológicos, químicos, psicológicos ou acidentais no ambiente laboral.

Inclusive, a exposição recorrente ao risco pode levar o profissional a desenvolver doenças do trabalho ou ocupacionais, o que, além de prejudicar a pessoa, ainda gera gastos desnecessários à empresa.

Diante disso, vale pensar o que a área de saúde e segurança do trabalho (SST) possui várias maneiras de prevenir acidentes de trabalho e garantir a segurança e a saúde do profissional.

5 maneiras de impulsionar a área de saúde e segurança do trabalho na organização

Importância da área de saúde e segurança do trabalho (SST)

A segurança do trabalho é o conjunto de normas, atividades, medidas e ações de prevenção que garantem a saúde e a segurança do ambiente corporativo. O objetivo é claro: diminuir o índice de acidentes de trabalho e doenças ocupacionais. 

Em outras palavras, podemos dizer que a segurança do trabalho diz do que a empresa deve fazer para proteger a equipe, de modo a oferecer um local saudável para que as tarefas laborais sejam feitas da melhor maneira possível.

O responsável por regulamentar a SST é o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), por meio do Departamento de Segurança e Saúde no Trabalho (DSST) — órgão encarregado de incentivar a criação de políticas públicas e inspecionar as condições de trabalho nos mais diversos ambientes corporativos.

A área é crucial para qualquer empresa, uma vez que zela pela qualidade de vida, segurança e influencia na produtividade como um todo. Na verdade, ela impacta até mesmo na redução de custos, já que evita gastos com o tratamento de uma pessoa que sofre acidente, por exemplo, e multas. 

Veja como a revisão de NRs muda a rotina da segurança no trabalho.

5 formas de impulsionar a área de saúde e segurança do trabalho

Cuidar da saúde emocional

5 maneiras de impulsionar a área de saúde e segurança do trabalho na organização

Um ambiente caracterizado por pressão, longas jornadas de trabalho, falta de equilíbrio nos períodos de descanso, sobrecarga de demandas e falta de diálogo ou feedbacks pode resultar em problemas de saúde emocional no trabalho. Esses problemas, por sua vez, afetam a produtividade, a motivação, os relacionamentos com os colegas e o sucesso da empresa.

Por esse e outros motivos, a área de saúde e segurança do trabalho entende que vale a pena, além de investir em questões relacionadas à ergonomia, também é preciso investir em conhecer as pessoas. A avaliação de pessoas, por exemplo, consiste em um processo de conhecimento e análise de desempenho dos colaboradores.

Com ela, a empresa tem um entendimento melhor do seu capital intelectual e passa a atuar nos problemas de rendimento. Além do mais, percebe as competências técnicas e as habilidades de cada um. Assim, é possível desenvolver e capacitar de forma mais assertiva cada membro da equipe.

Como resultado, a empresa tem subsídio para criar um ambiente de trabalho mais participativo, com maiores possibilidades de aumentar a produção e o engajamento dos colaboradores, bem como fortalecer o comprometimento da equipe, reparar  falhas, facilitar a tomada de decisões etc.

Incorporar as práticas ESG

Hoje em dia, as empresas e investidores em todo o mundo têm se envolvido cada vez mais com o conceito de “investimento responsável”, impulsionados pela crescente – e necessária – conscientização de algumas questões, como comprometimento ambiental/social, diversidade de gênero e transparência nas relações

As práticas ESG na área SST podem ajudar a identificar os perigos e definir controles para gerenciá-los. Além disso, criam melhores condições de trabalho, reduzem acidentes e doenças relacionadas à atividade, minimizam custos e inatividade. Consequentemente, contam com maior engajamento e motivação dos funcionários.

Olhar para a humanidade da equipe é o diferencial. Hoje em dia, não há mais espaço para empresas que miram somente o lucro: é preciso agir contribuindo para a construção de um local mais saudável, seguro e um mundo mais igualitário.

Oferecer e fiscalizar o uso de EPIs

Verificar equipamentos, cuidar da ergonomia e manter o ambiente em condições salubres são algumas das obrigações das instituições. Inclusive, é lei proteger a integridade do trabalhador no local de trabalho. Sabendo dos números altos de acidentes laborais, uma boa gestão da área de SST deve apostar nas ações de prevenção de segurança dentro da empresa. 

Os acidentes de trabalho mais comuns giram em torno da falta ou do uso errado dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs).  Os EPIs vão desde calçados até óculos de proteção. Além disso, precisam ser usados em ocasiões específicas para garantir a integridade física. 

É responsabilidade da empresa fornecer o material de maneira apropriada, oferecer treinamento e supervisionar a equipe para garantir que o uso esteja correto. Se houver algum problema, é crucial investigar a causa. Por exemplo, pode haver algum aspecto da organização do trabalho que esteja afetando a equipe.

Vale lembrar que os acidentes de trabalho têm raízes mais profundas do que somente comportamento humano e a empresa é a responsável pela garantia da segurança do trabalho. 

Realizar treinamentos

Uma boa área de SST se certifica se cada membro da equipe tem conhecimento e treinamento adequado acerca das normas e sobre o que deve ou não ser feito. Cabe a esse setor criar programas e estratégias para proteger a saúde dos profissionais. Um exemplo são as campanhas de conscientização.

Investir em programas de prevenção de riscos e acidentes

Essa é uma forma de tornar o ambiente de trabalho mais seguro e produtivo. A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA), por exemplo, tem a finalidade de informar e conscientizar os trabalhadores a respeito das Normas Regulamentadoras de segurança e saúde no ambiente de trabalho.

Por fim, esses foram apenas alguns exemplos do que as empresas devem fazer para conseguir bons resultados quanto à saúde e segurança da equipe. Mas você pode se perguntar: como entender o profissional a fim de oferecer um ambiente seguro?

Outras ações que contribuem para a saúde e segurança da equipe

  • Contratar profissionais que estejam alinhados à cultura da empresa;
  • Oferecer atividades que promovam a saúde mental, como atividades físicas, ginástica laboral ou meditação;
  • Garantir boas condições na execução das tarefas;
  • Ter uma comunicação clara, eficaz e transparente;
  • Fiscalizar o cumprimento das Normas Regulamentadoras;
  • Investir na ergonomia do funcionário a fim de evitar dores musculares, cansaço ou fadiga;
  • Estar atento aos riscos.

Entenda os seus colaboradores por meio de ciência e dados

Somos uma empresa especialista em entender pessoas por meio de ciência e dados. A metodologia MAPA leva em conta tanto o campo psicossocial do sujeito, quanto o cultural e o histórico. Isso significa que trabalhamos para entregar um diagnóstico organizacional completo e preciso, ajudando as empresas a serem mais assertivas em seus processos, atuando na prevenção de acidentes e no valor humano.

Teste de personalidade MAPA para a área de saúde e segurança do trabalho

5 maneiras de impulsionar a área de saúde e segurança do trabalho na organização

teste de personalidade MAPA pode ser uma ótima opção para ajudar a empresa a traçar estratégias que previnam acidentes, já que ele consegue elucidar diversos traços da personalidade, além de levar em conta as suas características e competências dentro de um contexto histórico.

O nosso teste psicológico gera indicadores que são capazes de nos dizer quais comportamentos daquela pessoa são vistos como precipitados ou imprudentes. Da mesma forma, a análise de competências também analisa os aspectos emocionais.

Além do mais, é preciso ressaltar que o teste de personalidade tem como proposta entender as principais tendências comportamentais do indivíduo. Nesse sentido, ele pontua as características que funcionam como medidas de proteção, que também podem impactar quando o assunto é promoção de um ambiente saudável. Veja mais aqui!

Em síntese, ele permite entender a disposição física, emocional e as habilidades de cada um. Então, mais do que ajudar a promover a segurança do trabalho, a solução oferece um combo no que diz respeito às potencialidades e pontos a melhorar de cada profissional.

VENHA CONHECER AS SOLUÇÕES MAPA E IMPULSIONE A ÁREA DE SAÚDE E SEGURANÇA DO TRABALHO DA SUA EMPRESA!