6 principais riscos de acidentes de trabalho e como preveni-los

6 principais riscos de acidentes de trabalho e como preveni-los

No mês de julho, é celebrado o Mês de Prevenção de Acidentes de Trabalho, uma iniciativa que visa conscientizar sobre a importância da segurança no ambiente laboral. 

A princípio, os acidentes de trabalho representam um grande desafio para empresas e trabalhadores, trazendo consequências físicas, emocionais e financeiras. Sabendo disso, é fundamental compreender os riscos envolvidos e adotar medidas preventivas para proteger a saúde e bem-estar dos colaboradores.

Neste artigo, vamos abordar os 6 principais riscos de acidentes de trabalho e como preveni-los. Dessa forma, vamos destacar a importância da avaliação psicológica como uma ferramenta essencial para identificar possíveis fatores de risco e promover um ambiente de trabalho mais seguro e saudável. 

Vamos lá?

6 principais riscos de acidentes de trabalho e como preveni-los

Principais riscos de acidentes de trabalho

Quedas e escorregões

As quedas e escorregões representam um dos principais riscos de acidentes de trabalho em diversos setores, especialmente aqueles que envolvem atividades em altura, locais escorregadios ou superfícies irregulares. Nesse sentido, medidas como a utilização de equipamentos de proteção individual (EPIs), manutenção regular das instalações, sinalização e treinamento dos colaboradores são essenciais para prevenir esses acidentes.

Lesões musculoesqueléticas

As lesões musculoesqueléticas estão relacionadas a esforços repetitivos, movimentos inadequados, posturas inadequadas e ergonomia inadequada no ambiente de trabalho. Da mesma forma, é importante oferecer treinamento ergonômico aos funcionários, fornecer equipamentos adequados e promover pausas regulares para descanso e alongamento.

Exposição a produtos químicos

A exposição a produtos químicos nocivos pode causar danos à saúde dos trabalhadores, incluindo problemas respiratórios, dermatites, queimaduras e até mesmo doenças mais graves, como câncer. Então, é fundamental garantir o uso correto de EPIs, fornecer treinamento adequado sobre manuseio e armazenamento de substâncias químicas e implementar medidas de controle de exposição, como ventilação adequada e uso de equipamentos de proteção coletiva.

Acidentes com máquinas e equipamentos

Os acidentes com máquinas e equipamentos representam um risco significativo em muitos ambientes de trabalho. Nesse sentido, é fundamental que os colaboradores sejam treinados para operar corretamente as máquinas, conheçam os procedimentos de segurança, realizem manutenção preventiva regularmente e usem os EPIs adequados para cada situação.

Incêndios e explosões

Incêndios e explosões podem ocorrer em diversos ambientes de trabalho, especialmente aqueles que lidam com substâncias inflamáveis. Por isso, é crucial implementar medidas de prevenção de incêndios, como a instalação de sistemas de detecção e combate a incêndios, treinamento dos funcionários em procedimentos de evacuação, armazenamento adequado de materiais inflamáveis e manutenção regular dos equipamentos de segurança.

Estresse e sobrecarga de trabalho

O estresse e a sobrecarga de trabalho são riscos cada vez mais presentes no ambiente profissional. Por exemplo, o excesso de demandas, prazos apertados, longas jornadas de trabalho e pressão constante podem levar a problemas de saúde, como ansiedade, depressão e esgotamento físico e mental (Burnout). Então, é importante que as empresas adotem medidas para promover um equilíbrio entre trabalho e vida pessoal, ofereçam suporte psicológico aos colaboradores e incentivem a cultura do bem-estar.

Confira: Abril Verde: como evitar acidentes de trabalho com os dados preditivos do MAPA.

Como prevenir acidentes de trabalho

A princípio, a prevenção de acidentes de trabalho é um esforço conjunto que envolve tanto a empresa quanto os trabalhadores. É fundamental que todos os colaboradores recebam treinamento adequado para entender os riscos relacionados ao seu trabalho e aprender as medidas preventivas necessárias. 

Uso correto de EPIs

Isso inclui orientações sobre o uso correto dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), procedimentos de segurança, primeiros socorros e prevenção de acidentes específicos do setor. Por meio do treinamento e capacitação, os colaboradores estarão mais preparados para lidar com os riscos presentes em seu ambiente de trabalho.

Avaliação de risco

Além do treinamento, é importante realizar avaliações regulares de riscos no ambiente de trabalho. Essas avaliações ajudam a identificar os potenciais perigos existentes e permitem que sejam adotadas medidas preventivas para minimizar o risco de acidentes. Ao identificar os riscos, a empresa pode implementar soluções e melhorias que reduzam a probabilidade de ocorrência de acidentes.

Manutenção preventiva

A manutenção preventiva também desempenha um papel crucial na prevenção de acidentes. Equipamentos e máquinas devem passar por manutenções regulares para garantir o seu bom funcionamento e evitar acidentes causados por falhas mecânicas. Investir na manutenção adequada dos equipamentos é essencial para garantir a segurança dos colaboradores.

Cultura de segurança para prevenção de acidentes

Promover uma cultura de segurança é outro aspecto fundamental na prevenção de acidentes. A empresa deve incentivar os colaboradores a relatarem quaisquer riscos identificados, compartilharem experiências e ideias para melhorar a segurança no ambiente de trabalho. Ao criar um ambiente onde a segurança é valorizada e encorajada, os colaboradores se sentirão mais motivados a adotar práticas seguras em seu dia a dia.

Os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) desempenham um papel essencial na proteção dos colaboradores. A empresa deve fornecer os EPIs adequados para cada função e garantir que os colaboradores estejam cientes de sua importância e saibam como utilizá-los corretamente. Além disso, é necessário realizar o acompanhamento regular dos colaboradores, observando se os procedimentos de segurança estão sendo seguidos, se há necessidade de reforço no treinamento e se existem oportunidades de melhorias nos processos.

Veja também: SAÚDE MENTAL X ACIDENTES DE TRABALHO | Qual custo de não ter um programa de prevenção?

Importância da avaliação psicológica na prevenção de acidentes de trabalho

Além das medidas tradicionais de prevenção, como as citadas acima, é fundamental destacar o papel da avaliação psicológica na identificação de fatores de risco e no fortalecimento da segurança no ambiente de trabalho. 

A avaliação psicológica visa analisar as características individuais dos colaboradores, identificar possíveis fatores de risco psicossociais e fornecer subsídios para a implementação de ações preventivas e intervenções adequadas.

Quem é a Mapa?

Para quem não sabe, a Mapa é uma plataforma que oferece soluções de avaliação psicológica no ambiente corporativo. Sabendo disso, ela pode desempenhar um papel importante na prevenção de acidentes de trabalho. Por meio da análise de traços de personalidade, comportamentos e habilidades, a avaliação psicológica pode ajudar a identificar indivíduos mais propensos a comportamentos de risco, estresse excessivo ou dificuldades de adaptação ao ambiente de trabalho.

Ao compreender melhor as características psicológicas dos colaboradores, as empresas podem adotar medidas preventivas mais direcionadas. Por exemplo, programas de treinamento específicos, acompanhamento psicológico individualizado e estratégias de gestão de estresse. Isso contribui para criar um ambiente de trabalho mais seguro, saudável e produtivo.

A avaliação psicológica também pode auxiliar no planejamento a longo prazo, permitindo que as empresas identifiquem áreas de maior risco e implementem medidas preventivas de forma proativa. Além disso, a análise dos dados coletados por meio da avaliação psicológica pode fornecer insights valiosos para a melhoria contínua das políticas de segurança e bem-estar no trabalho.

Acesse: O papel do RH na prevenção de riscos de acidentes de trabalho.

Veja o que a Mapa oferece

Instrumentos

Mapa Personalidade

Avaliação reconhecida pelo Conselho Federal de Psicologia e 100% digital. Avalia um conjunto de construtos organizadores da personalidade por meio de uma estrutura de fatores validados no Brasil.

Psicossocial

Instrumento que faz parte do método de Avaliação Psicossocial e investiga características pessoais, como saúde e bem-estar, organização do trabalho e demandas de diversas naturezas do colaborador.

Soluções

Parametrizações

Agilidade e customização nos seus processos. Aqui, os traços de personalidade são traduzidos em competências, gerando indicadores únicos conforme a cultura e objetivos de cada empresa ou atividade. 

Diagnóstico Organizacional

Acompanhamento contínuo da transformação de pessoas e empresas por meio de diagnósticos estruturados. Dados para entender problemas específicos e desenvolver o autoconhecimento dos seus colaboradores.

Por fim, vale dizer que é crucial adotar medidas preventivas constantes, investir em treinamentos e na promoção de uma cultura de segurança. Afinal, a prevenção de acidentes não é apenas uma obrigação legal, mas um compromisso com a vida e o bem-estar dos colaboradores.

Converse com um de nossos especialistas!

Além disso, você pode gostar ainda: Digital Skills: Como a IA pode ajudar na prevenção de acidentes de trabalho.