Quando fazer a avaliação psicológica do profissional?

Quando fazer a avaliação psicológica do profissional?

Muito falamos sobre o processo de avaliação psicológica e seus diversos benefícios, principalmente quando os assuntos giram em torno de recrutamento, seleção e desenvolvimento. Porém, nem sempre fica claro para as empresas o que de fato é a avaliação psicológica. Por exemplo, como ela é realizada? Quando submetê-la ao profissional?

Continue a leitura e adquira um conhecimento mais prático e objetivo sobre a avaliação psicológica em um viés da psicologia organizacional!

Quando fazer a avaliação psicológica do profissional?

Antes de mais nada… o que é a avaliação psicológica?

De acordo com o Conselho Federal de Psicologia (CFP), a avaliação psicológica é um processo técnico e científico realizado com pessoas ou mesmo grupos de pessoas que necessitam de metodologias específicas, a depender de cada área do conhecimento.

Podemos dizer que a avaliação psicológica é uma fonte de informações de caráter explicativo acerca dos fenômenos psicológicos. Dinâmica, a proposta é subsidiar os trabalhos nos mais diversos campos de atuação do psicólogo, como saúde, educação e trabalho, que é o cenário de nosso interesse por aqui.

No âmbito corporativo, facilita a tomada de decisão da empresa e engloba a integração de informações que são fruto de diversas fontes, como testes psicológicos, entrevistas, análises de documentos, dinâmicas de grupo etc.

Com ela, a organização passa a ter embasamento para identificar traços de personalidade, bem como para coletar dados acerca da inteligência, aspectos emocionais, habilidades cognitivas, entre outros.

Ou seja, a avaliação psicológica é bastante útil, uma vez que norteia em que setor ou cargo o candidato à vaga pode trabalhar com as características e habilidades que possui. 

Então, veja aqui as diferenças entre avaliação psicológica e avaliação comportamental.

Quando fazer a avaliação psicológica do profissional?

Bom, em qual contexto a avaliação pode ser realizada e em qual processo? Podemos realizar a avaliação psicológica em diferentes áreas, como no contexto organizacional, em processos de recrutamento e seleção, avaliação de desenvolvimento e de potencial. 

Avaliar um profissional pode contribuir significativamente dentro do contexto organizacional de algumas formas, não se restringindo somente aos processos seletivos, mas também de forma a ampliar a percepção e ações estratégicas, investigando o  funcionamento psicológico das pessoas. 

O psicólogo realiza a avaliação do profissional quando o objetivo é:

Selecionar talentos para a empresa;
Coletar dados para testar hipóteses;
Produzir diagnósticos;
Descrever o funcionamento de indivíduos ou grupos;
Fazer predições sobre comportamentos ou desempenho em situações específicas;
Realizar diagnóstico organizacional, identificando pontos fortes e de insatisfação a serem melhorados;
Verificar clima organizacional

Com ela, é possível orientar ações e decisões futuras, em relação à carreira, bem-estar no trabalho, comprometimento, satisfação, comportamento, desenvolvimento, estresse, justiça organizacional e qualidade de vida no trabalho.

Dentro da avaliação, o profissional da psicologia pode optar por testes psicológicos, dinâmicas, entrevistas e devolutivas, por exemplo. Cabe a ele, entender e verificar se os instrumentos e técnicas são capazes de fornecer dados seguros e suficientes para uma tomada de decisão assertiva e confiável. 

No caso da escolha por testes psicológicos, o CFP orienta consultar o Sistema de Avaliação de Testes Psicológicos (SATEPSI), disponível no site (www.pol.org.br), com o intuito de verificar se ele foi aprovado para uso e outras informações pertinentes. Essa aprovação garante que o teste passou por um processo minucioso de validação, que garante a cientificidade da ferramenta.

O teste de personalidade MAPA

Uma das nossas especialidades é a avaliação psicológica para empresas, que inclui o teste de personalidade MAPA, um recurso totalmente on-line que revela aspectos emocionais, motivacionais e atitudinais de um indivíduo ou equipe. Nesse sentido, mostra como os sujeitos tendem a se comportar em situações distintas, sendo crucial no ambiente de trabalho.

Com o MAPA, você pode conhecer até 48 aspectos da personalidade, que podem ajudar a tomar decisões mais assertivas na sua empresa. A amplitude de traços avaliados por este teste permite resultados mais profundos e, assim, mais eficientes.

Quer saber mais sobre essa ferramenta com amostra 100% brasileira? 

SOLICITE UMA APRESENTAÇÃO!

#Ficaadica

Por fim, se o seu foco é R&S, que tal descobrir, em minutos, como melhorar seu processo? Clique aqui!

Agora, se o foco é definir as melhores estratégias de enfrentamento para garantir a segurança no ambiente laboral, temos o e-book “Avaliação Psicológica para empresas de risco grau 4”.

Veja ainda:

Avaliação psicológica em motoristas de transporte

Avaliação psicológica tem prazo de validade?

Como uma avaliação psicológica pode ajudar no rendimento da equipe